Beber sumos é realmente saudável?

Beber sumos ou não beber sumos, essa é a questão. Muitas pessoas preocupadas com a sua saúde têm adoptado os sumos na sua alimentação, mas é uma tendência que é melhor ser adoptada com moderação. Embora possa surpreendê-lo, pense num copo alto de vegetais e frutas frescas como um presente ocasional – como uma sobremesa indulgente – e não como uma escolha quotidiana.

Tal como acontece com a maioria das modas de “arranjo” rápido, há sempre algumas desvantagens a serem consideradas. Aqui está alguns pontos de reflexão para o ajudar:

  1. Os sumos podem ser uma bomba de açúcar.

A maioria dos sumos engarrafados têm demasiado açúcar. Não importa se são orgânicos ou refrigerados ou convencionais. Sumos feitos de frutas, bem como de legumes como a beterraba e a cenoura, podem significar uma descarga tremenda de açúcar no seu sangue.

É verdade: com algumas bebidas frescas e minimamente processadas, irá receber alguns nutrientes que serão absorvidos rapidamente. Mas os picos de açúcar que vêm com o pacote normalmente não valem a viagem.

  1. O sumo não é a melhor fonte de fibra.

Um sumo de frutas e verduras frescas é praticamente isento de fibras – toda aquela fibra boa é deixada para trás na base do seu espremedor e é deitada ao lixo. Isso é um problema porque a fibra ajuda a melhorar a saúde intestinal e facilita a remoção de resíduos.

Embora alguns pensem nos sumos como uma ajuda digestiva, eles pouco ajudam, e na verdade, muitas pessoas que bebem sumos para limpar o seu organismo, têm um problema com a obstipação!

  1. O sumo não a vai manter saciada.

Já concluímos: o seu sumo tem uma tonelada de açúcar e não tem muita fibra. Mas também está a faltar a gordura e a proteína, ambas fundamentais para se sentir saciada. Sem gordura, proteína e fibra para encher a sua barriga e sinalizar o cérebro que acabou de comer, você vai ficar com muita fome, rapidamente.

  1. Os nutrientes dos sumos não duram muito.

Quão fresco é esse sumo engarrafado? A data de validade certamente lhe dará uma pista, mas não lhe vai dizer o quão potentes ainda estão os nutrientes da garrafa. Infelizmente, os nutrientes que você espera absorver a cada gole começam a degradar-se no momento em que são expostos à luz e ao ar. Noutras palavras, se essa bebida estiver na sua mesa a tarde toda, pode estar a receber menos antioxidantes do que pensa.

  1. Os sumos podem ser um desperdício.

Pegar num braçada de comida que poderia alimentar uma pequena família e transformá-la em líquido é, para dizer no mínimo, um desperdício. Seja um pouco mais gentil com a terra e considere comer a maioria dos seus produtos em vez de os espremer.

 

Como fazer um sumo mais saudável

Num mundo perfeito, diríamos: deite fora os sumos e coma o máximo de alimentos inteiros que conseguir. No entanto, se decidir beber um sumo, aqui estão algumas dicas importantes a seguir.

Faça você mesma! Dessa forma, pode controlar os ingredientes, o tamanho da porção, o teor de açúcar e a frescura. Certifique-se que:

  • Não inclui frutas com alto teor de açúcar como o abacaxi, manga, banana etc;
  • Força nos verdes;
  • Use limões, limas, maçãs verdes, gengibre, hortelã e açafrão para adicionar sabor sem culpa;
  • Tenha em mente que sumos para perda de peso ou desintoxicação não é uma abordagem saudável, nem é sustentável. Em vez disso, tente uma dieta de “eliminação”.

 

Se está a comprar um sumo já pronto, leia o rótulo:

  • Verifique as quantidades que existem por garrafa. Algumas garrafas têm duas a três porções, e você pode estar a beber muito mais açúcar do que pretendia.
  • Verifique as gramas de açúcar por porção. Se forem mais de 6 gramas, descarte a bebida ou reduza, um pouco o sumo adicionando água.
  • Verifique as gramas de fibra. Muitos sumos engarrafados não têm nenhuma o que é uma má notícia para o seu corpo, especialmente se está a tentar manter o nível de açúcar no sangue estável.
  • Certifique-se de que a bebida é feita com ingredientes orgânicos certificados e pouco processados.

 

Se está a pedir um sumo num café ou bar, certifique-se de:

  • Pedir ingredientes orgânicos, para que sua bebida seja tão livre de químicos quanto possível.
  • Peça para não lhe adoçarem a bebida com sumos de frutas de maçã, laranja, uva e assim por diante.
  • Se preferir uma bebida mais doce, adicione um pouco de stevia ou um bocado de mel.

Adaptado de https://www.mindbodygreen.com