Quando o stress leva a melhor

stress

O stress é um inimigo que se esconde à vista de todos. Todos os dias, uma pessoa comum enfrenta conscientemente os mesmos agentes causadores de stress, de forma contínua: demasiado barulho e pressa; exigências em casa e no emprego que se sobrepõem; as frustrações de conduzir no meio do trânsito; e pouco tempo em cada dia para fazer tudo o que precisa de ser feito. O que todos os agentes externos causadores de stress têm em comum é a pressão, e todos sabemos qual a sensação de estar sob pressão. 

Se estes fossem o verdadeiro problema, resolver o problema do stress não seria mais difícil do que tirar uma pedra do sapato — ao sentir o desconforto, lidávamos com ele o mais depressa possível.

Mas como já sabemos, o stress costuma ser muito mais complicado do que isso. O facto de todos nós tolerarmos tanto stress é a prova de que não lidamos bem com ele. Hoje queremos que você vire a página e comece a reduzir seriamente o stress que há na sua vida. Pode ter jeito para lidar com o stress diário, mas ainda assim, as suas células vão sendo afetadas aos poucos, com efeito primeiro a nível psicológico e mental, depois no seu comportamento e, por fim, na forma de danos físicos.
Esperar até à terceira fase, em que aparecem sintomas como hipertensão e problemas digestivos, seria muito imprudente.

Quando o stress leva a melhor

Mas se as pessoas se queixam constantemente do stress, ouvem falar constantemente dos seus efeitos nefastos e, mesmo assim, pouco fazem em relação a isso, o que é que correu mal? As escolhas que incluímos na lista de hoje não são novidade nem são surpreendentes. A meditação e o ioga já são tão populares que a sua prática devia estar muito mais generalizada do que está. As pausas e os momentos de silêncio deviam fazer parte da rotina. Aprender a ficar calmo numa situação de stress devia ser um mecanismo de defesa que se aprende em criança.

Claramente, o primeiro passo e o mais importante a dar para reduzir o stress é mudar de atitude. Caso contrário, a sua capacidade de lidar com as pressões da vida diária continuarão bloqueadas onde estão; uma tentativa pouco empenhada, sem grandes resultados. De certa forma, é uma situação semelhante às dietas rápidas. Como já mencionámos e é sabido pela maior parte das pessoas, as dietas temporárias não impedem que o peso volte.

(…)

Porque é que o stress continua a vencer

Respostas ineficazes a agentes diários causadores de stress
 Achamos normal estar ligeiramente stressados.
 Sentimo-nos indefesos perante forças externas.
 Os sinais de perturbação (irritabilidade, fadiga, estagnação mental) são ignorados.
 Os nossos mecanismos de defesa são muito limitados
 Acreditamos que tolerar o stress não faz mal.
 Estamos em negação ou pura e simplesmente ignoramos o quanto estamos stressados.
 Ouvimos dizer que é possível prosperar com stress.

Estas crenças e ações são autodestrutivas, mas cada uma contém um grão de verdade. Se você vive numa cidade ruidosa ou trabalha num local de construção, não pode controlar o ruído à sua volta.
Tolerar o stress é prejudicial, mas se estiver preso no trânsito ou tiver um bebé recém-nascido em casa, não há muito que possa fazer. Ninguém prospera com stress, pelo menos ao nível celular, mas algumas pessoas ambiciosas e bem-sucedidas afirmam que devem o seu sucesso a uma ânsia por situações de alto stress, nas quais podem provar que são vencedoras.

Estes grãos de verdade servem para encobrir uma realidade que as pessoas não estão dispostas a encarar: o stress é a epidemia da vida moderna.

(…)

Num dia da semana foque-se no tema stress e e escolha uma mudança das listadas abaixo que queira fazer relativamente ao stress:

A FAZER

 Medite.
 Vá a uma aula de ioga.
 Pratique a respiração consciente.
 Planeie uma pausa e um momento de silêncio.
 Pratique estar focado.
 Reconheça as fases do stress.

A DESFAZER

 Pare de piorar uma situação stressante.
 Evite ignorar acontecimentos stressantes da sua vida.
 Afaste‑se do stress assim que puder.
 Resolva algo que lhe provoque stress repetidamente.
 Analise um problema que tem andado a enfrentar apenas por frustração.
 Torne os hábitos irregulares numa rotina regular.

Deepak Chopra
Em O Poder da Cura

Related Post